top of page
Moeda Procuratorial Cunhada na Judeia Æ Prutah (24/25 dC)

**Escassa - apenas 12 peças listadas em RPC**
**Peça cunhada em vida de Jesus Cristo (24/25 anos)**
**Moeda de importância histórica e religiosa**
**Certificada NGC**
Moeda Procuratorial Cunhada na Judeia Æ Prutah (24/25 dC)
Jerusalém, Prefeito Valerius Gratus (em nome de Iulia Augusta (Livia)
Anverso: TIB / KAI/CAP em três linhas dentro de uma grinalda amarrada abaixo.
Reverso: IOY-ΛIA, ramo de palmeira ereto, com a data RY = ano 11 de Tiberius atravessando o campo.
Meshorer 19; RPC I 4966.
Refc12359

O presente exemplar, cunhado na Judeia entre 24/25 d.C., sob o prefeito Valerius Gratus, reflete a intersecção entre a administração romana e a realidade religiosa da região naquela época. Valerius Gratus, governando de cerca de 15 a 26 d.C., foi um dos prefeitos romanos responsáveis por manter a ordem e coletar impostos na Judeia, uma região que, embora sob o domínio romano, mantinha suas tradições e práticas religiosas judaicas profundamente enraizadas. A emissão de moedas com imagens e inscrições romanas em uma área predominantemente judaica era um ato de autoridade política e também um ponto de tensão religiosa, dado o segundo mandamento judaico contra a idolatria de imagens. As moedas como a cunhada por Gratus, portanto, representavam mais do que meros instrumentos econômicos; elas eram símbolos tangíveis da dominação romana e da complexa relação entre o império e as crenças judaicas.
No contexto religioso mais amplo, este período é crítico por coincidir com a vida e o ministério de Jesus Cristo, conforme relatado nos Evangelhos. A presença de moedas romanas na Judeia, como as emitidas por Gratus, oferece uma perspectiva concreta sobre o cenário político e religioso no qual Jesus atuou. Segundo os relatos bíblicos, Jesus expressou críticas ao sistema monetário romano, mais notavelmente na narrativa da expulsão dos cambistas do Templo, o que destacou o conflito entre as práticas econômicas romanas e os valores religiosos judaicos. Assim, moedas procuratoriais como a presente não só servem como testemunhos histórico da presença romana na Judeia, mas também como um elemento que contextualiza os desafios religiosos e sociais enfrentados por figuras como Jesus em um ambiente caracterizado pelo choque entre ideologias religiosas e autoridade imperial.

Moeda Procuratorial Cunhada na Judeia Æ Prutah (24/25 dC)

SKU: 12359
R$ 1.700,00Preço
    bottom of page